quinta-feira, 2 de maio de 2013

Doses paliativas de verdade

Deixe de choro. Deixe de manha. Este não é o primeiro e nem será o último amor a ser enterrado vivo. Jogue terra, depois caminhe. Por sarcasmo divino nascemos humanos para aprendermos a ter sangue de barata. Sinta... Sinta o suficiente para perceber o quanto é importante ser racional. Um copo de verdade por dia te cura dos clichês e contos de fadas. O príncipe aqui é também vagabundo. A princesa aí não é a única bela entre as feras. Ame o amor, mas ame mais a liberdade. E aprenda a voar como eu.

2 comentários:

  1. Que adjetivo e advérbio de intensidade usar?! Simplesmente do caralho! Mto, Mto, Mto bom! Parabéns!

    ResponderExcluir